domingo, 2 de agosto de 2009

Poeminha de domingo...

ABAIXO-ASSINADO

Inicio hoje este abaixo assinado
E peço a todos que colaborem
Um grande mal será eliminado
E o mundo enfim terá ordem

Assinem, assinem sim
Serão todos beneficiados
Os males do coração terão fim
E o sentimentos serão apaziguados

Proibamos a paixão
Esta erva daninha
De se esconder sob o colchão
E assolar-nos à noitinha

Proibamos a paixão
Que não nos leva a lugar algum
De contaminar uma multidão
Como se não houvesse mal nenhum

Obriguemos o governo
A distribuir uma vacina
Aplicada bem no nervo
Impedindo uma chacina

Eliminemos de vez
Esse sentimento da sociedade
Eu garanto a vocês
Ninguém jamais terá saudade

Como pode a paixão
Em pleno século vinte e um
Sobrepujar-se à razão
No interior de cada um?

6 comentários:

  1. Pode me incluir esse movimento, Terezas! Que seja proibida! Vacina já contra paixão!

    ResponderExcluir
  2. Tere,

    Assinadíssimo!! hehe
    bjo

    ResponderExcluir
  3. Milênios depois volto....
    Bjinhusss linda!!!
    Vc manda mtoooo bem!!!
    Dani

    ResponderExcluir
  4. Um soneto mandatório...exterminar a paixão...rs, é,é uma possibilidade, mas que seria da poesia sem esse mal adorável???

    ResponderExcluir
  5. Fui procurar o sentido exato de mandatório.
    Interessante esse comentário da Adriana.
    Já que estou com o dicionário na mão...
    Paixão: Sentimento ou emoção levados a um alto grau de intensidade, sobrepondo-se à lucidez e à razão.
    Tá tudo explicado, pelo menos pra mim.

    Luís Poeta

    ResponderExcluir